FÓRUM MOTOS DAFRA
Seja bem-vindo ao maior fórum aberto sobre as motos Dafra. Junte-se conosco e venha participar, tirar dúvidas e resolver problemas.
Clique em Registrar-se.
Obrigado!
Equipe do Fórum Motos Dafra

protesto projeto motoboy-são paulo

Ir em baixo

protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  wagner mota em Sex Ago 03, 2012 10:16 am

avatar
wagner mota
Guru
Guru

Número de Mensagens : 2072
Idade : 55
Localização : São Paulo, SP
Moto : Apache 150cc
Data de inscrição : 20/10/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  jeff em Sab Ago 04, 2012 6:34 pm

Alguém tinha que deixar evidente que o governo exige uma coisa, mas não dá condições para a população cumpra suas exigências.

Exigir um curso que ninguém sabe, ninguém viu e querer multar o cidadão que não é mágico é o fim da picada.

Um abraço,

Jeff

_________________
A quantidade de óleo de Kansas e Speeds para troca é de 1,2 litro no mínimo, 1,3 litro ideal e 1,4 litro no máximo. Colocar menos que o ideal causará prejuízo com o desgaste dos componentes do motor, o qual poderá travar em alta rotação, colocando sua vida e a de sua garupa em risco. A quantidade recomendada no manual do proprietário está errada e a dafra tem que assumir esse erro, informando a todos os proprietários. O quadro da Kansas está sujeito à quebra e a dafra está substituindo gratuitamente, independente de garantia, desde que você leve a moto com o quadro trincado/quebrado até eles. No entanto, negam indenização a quem se acidente, como aconteceu com o Leão do Asfalto de Sergipe. Eles deveriam fazer um recall com ampla divulgação, mesmo caso da quantidade de óleo. Há vidas em risco e com isso não se brinca nem se pode protelar soluções. Tudo que escrevo representa minha opinião pessoal. Assinado Jeff, proprietário de uma Kansas 2009 com 75.000 km sem problemas de motor (só câmbio) pelo uso correto do óleo.
avatar
jeff
Jedi
Jedi

Número de Mensagens : 10955
Idade : 57
Localização : Santo André / Biritiba - SP / Florianópolis - SC
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 27/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Curso e qualificação

Mensagem  Marcelão em Dom Ago 05, 2012 9:05 am

jeff escreveu:Alguém tinha que deixar evidente que o governo exige uma coisa, mas não dá condições para a população cumpra suas exigências.

Exigir um curso que ninguém sabe, ninguém viu e querer multar o cidadão que não é mágico é o fim da picada.

Um abraço,

Jeff
Eu sou a favor da capacitação do pessoal sei que tem muitos ai irresponsáveis que usam o nome e profissão Motoboy ou ainda pior MOtociclista, mas sou contra quando o governo impoe normas absurdas como essas de mudar documentação,colocar nova placa e até pintar ou o cara ser obrigado a comprar uma moto já pronta para frete o que vai ser imposto pelo denatran com certeza daqui a algum tempo, 700R$, fora o mal atendimento nos Detrans, filas e o saco de um curso que só serve para arrecadar + dinheiro para os Detrans como se já não basta o que eles subtrai dagente, taxas disso daquilo, multas ,jurus e o que eles puderem tirar de vc até as calças pela cabeça eles vão tirar, tá na hora de protestar mesmo e o bom é que seja em todo o Brasil começar a perturbar na câmara onde foi feita essa lei, eleger representantes da categoria um cara realmente engajado na luta não oportunistas! não sei se vc já notou mas todas as empresas e setores, transportes , comunicação e outros + tem representantes nas câmaras Eleitos, só para dá o suporte a interesses das empresas e setores não está nem ai para o povo, então se o sistema é esse, por que agente não usa-lo tb ? Protestar pacificamente sem quebra-quebra ou outro excessos pois já temos a fama ruim, Ex: para o maioria da sociedade Motoboy, motoqueiro ou motociclista é a mesma coisa é um cara Violento,Maloqueiro,ignorante que não estudou o que deveria, e mais ainda um Subserviente de tudo e de todos acima dele " Visão de uma grande parte da sociedade"

Marcelão
Novato Avançado
Novato Avançado

Número de Mensagens : 51
Idade : 46
Moto : Speed 150cc
Data de inscrição : 15/01/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  jeff em Dom Ago 05, 2012 11:30 am

É fato.

Automóvel no Brasil é símbolo de posição social. "Passe no vestibular que eu te dou um ecosport". E aí você vê um bando de filhinhos e filhinhas de papai achando que têm o direito de passar por cima de um motociclista porque ele reclamou de ter sido fechado enquanto o bonitinho/bonitinha falava/torpedeava ao celular.

Nem precisa ir tão longe, basta o cara ter um carro para achar que tem posição social melhor do que o proprietário de uma moto. Certa vez fui interpelado por uma senhora que não se conformou de eu não conhecer o endereço onde ela queria ir. "Ué, mas você não tem moto?" Aos olhos dela isso me transformava automaticamente num motoboy, entregador de pizza, um subalterno qualquer que não estava realizando bem o meu trabalho.

Eleger um representante democrático para os motociclistas.... quem arcaria com os custos de campanha dele? Os empresários podem reservar alguns vários milhões para patrocinar uma cachoeira de mensalonistas. Quem iria bancar um candidato com interesse não lucrativo?

Antes eu tinha mais juventude, esperança e fé.

Depois que mataram o nosso prefeito Celso Daniel e ninguém sabia que os culpados eram companheiros, nunca na história deste país se falou tanta mentira deslavada com tamanha cara de pau.

Mas se alguém quiser se candidatar e tiver uma proposta honesta e uma plataforma honrada... ah, esquece, ele não vai encontrar um partido pelo qual se lançar candidato. E se encontrar, terá que se submeter às regras do esquema.

Bem, boa sorte a esse candidato.

Um abraço,

Jeff


_________________
A quantidade de óleo de Kansas e Speeds para troca é de 1,2 litro no mínimo, 1,3 litro ideal e 1,4 litro no máximo. Colocar menos que o ideal causará prejuízo com o desgaste dos componentes do motor, o qual poderá travar em alta rotação, colocando sua vida e a de sua garupa em risco. A quantidade recomendada no manual do proprietário está errada e a dafra tem que assumir esse erro, informando a todos os proprietários. O quadro da Kansas está sujeito à quebra e a dafra está substituindo gratuitamente, independente de garantia, desde que você leve a moto com o quadro trincado/quebrado até eles. No entanto, negam indenização a quem se acidente, como aconteceu com o Leão do Asfalto de Sergipe. Eles deveriam fazer um recall com ampla divulgação, mesmo caso da quantidade de óleo. Há vidas em risco e com isso não se brinca nem se pode protelar soluções. Tudo que escrevo representa minha opinião pessoal. Assinado Jeff, proprietário de uma Kansas 2009 com 75.000 km sem problemas de motor (só câmbio) pelo uso correto do óleo.
avatar
jeff
Jedi
Jedi

Número de Mensagens : 10955
Idade : 57
Localização : Santo André / Biritiba - SP / Florianópolis - SC
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 27/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  ernesto walter em Dom Ago 05, 2012 7:21 pm

Minha opinião é que deve ser regulamentado,com regras para serm seguidas,a exemplo de outras categorias do ramo de transporte.
Os taxistas,por exemplo,precisam fazer curso para tirar o condutaxi,em São Paulo ter carros brancos com no maximo dez anos de uso e com faixas xadrez amarelo/preto nas laterais e manter o carro limpo.
Os motoristas de vans escolares precisam fazer cursos de reciclagem e passar com o veiculo na vistoria a cada seis meses(ou um ano),e é bem rigorosa.
Os motoristas de vans de carga e caminhões,se quizerem se garantir no mercado,precisam fazer curso de MOOP,senão não podem pegar varios tipos de fretes.
E todos eles tem que ter placa vermelha.
Pelo que fiquei sabendo,esta lei foi aprovada em 2009,já foi adiado o inicio da fiscalização uma vez e agora pela segunda vez.Se fosse um pais sério não haveria adiamentos,pois houve tempo habil para a regulamentação,mas quase ninguem se mexeu,imaginando que essa é mais uma lei que não vai"pegar".
Mas basta fazer uma bagunça,parar uma avenida ou fazer um oba-oba,para que se conceda novo prazo,que provavelmente será adiado novamente.

ernesto walter
Forista
Forista

Número de Mensagens : 188
Idade : 50
Localização : guarulhos-SP
Moto : Outra marca ou ainda não tenho
Data de inscrição : 21/04/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  jeff em Dom Ago 05, 2012 9:14 pm

Então, desde 2009, onde estão os tais cursos obrigatórios que começariam a ser fiscalizados?

Falaram que iam criar, não criaram e já iam despejar multa em cima de quem não tem culpa.

Concordo que treinamento para a categoria é fundamental, isso vai evitar muita morte no trânsito. Mas inércia/inépcia institucional neste país é avassaladora.

Um abraço,

Jeff


_________________
A quantidade de óleo de Kansas e Speeds para troca é de 1,2 litro no mínimo, 1,3 litro ideal e 1,4 litro no máximo. Colocar menos que o ideal causará prejuízo com o desgaste dos componentes do motor, o qual poderá travar em alta rotação, colocando sua vida e a de sua garupa em risco. A quantidade recomendada no manual do proprietário está errada e a dafra tem que assumir esse erro, informando a todos os proprietários. O quadro da Kansas está sujeito à quebra e a dafra está substituindo gratuitamente, independente de garantia, desde que você leve a moto com o quadro trincado/quebrado até eles. No entanto, negam indenização a quem se acidente, como aconteceu com o Leão do Asfalto de Sergipe. Eles deveriam fazer um recall com ampla divulgação, mesmo caso da quantidade de óleo. Há vidas em risco e com isso não se brinca nem se pode protelar soluções. Tudo que escrevo representa minha opinião pessoal. Assinado Jeff, proprietário de uma Kansas 2009 com 75.000 km sem problemas de motor (só câmbio) pelo uso correto do óleo.
avatar
jeff
Jedi
Jedi

Número de Mensagens : 10955
Idade : 57
Localização : Santo André / Biritiba - SP / Florianópolis - SC
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 27/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  L340 em Seg Ago 06, 2012 3:44 pm

Marcelão escreveu:
jeff escreveu:Alguém tinha que deixar evidente que o governo exige uma coisa, mas não dá condições para a população cumpra suas exigências.

Exigir um curso que ninguém sabe, ninguém viu e querer multar o cidadão que não é mágico é o fim da picada.

Um abraço,

Jeff
Eu sou a favor da capacitação do pessoal sei que tem muitos ai irresponsáveis que usam o nome e profissão Motoboy ou ainda pior MOtociclista, mas sou contra quando o governo impoe normas absurdas como essas de mudar documentação,colocar nova placa e até pintar ou o cara ser obrigado a comprar uma moto já pronta para frete o que vai ser imposto pelo denatran com certeza daqui a algum tempo, 700R$, fora o mal atendimento nos Detrans, filas e o saco de um curso que só serve para arrecadar + dinheiro para os Detrans como se já não basta o que eles subtrai dagente, taxas disso daquilo, multas ,jurus e o que eles puderem tirar de vc até as calças pela cabeça eles vão tirar, tá na hora de protestar mesmo e o bom é que seja em todo o Brasil começar a perturbar na câmara onde foi feita essa lei, eleger representantes da categoria um cara realmente engajado na luta não oportunistas! não sei se vc já notou mas todas as empresas e setores, transportes , comunicação e outros + tem representantes nas câmaras Eleitos, só para dá o suporte a interesses das empresas e setores não está nem ai para o povo, então se o sistema é esse, por que agente não usa-lo tb ? Protestar pacificamente sem quebra-quebra ou outro excessos pois já temos a fama ruim, Ex: para o maioria da sociedade Motoboy, motoqueiro ou motociclista é a mesma coisa é um cara Violento,Maloqueiro,ignorante que não estudou o que deveria, e mais ainda um Subserviente de tudo e de todos acima dele " Visão de uma grande parte da sociedade"
Minha professora de direito dizia isso sobre profissionais de TI. De que tínhamos que ter um representante no governo.
Mas fiquei pensando no funcionamento dos esquemas de eleição x patrocinio.
Se você é financiado pela indústria de construção, quando for eleito terá que devolver essa grana em construção, se for patrocinado pela indústria do pão de queijo, terá que fazer o negócio virar merenda nas escolas para devolver a grana da indústria.
Acho que tanto no mundo de TI quanto dos motofretistas, os únicos capazes de financiar algo seriam aqueles que tem produtos para vender para os profissionais, não para os clientes.

_________________
Vinícius Melo - "Gott Weiss Ich Will Kein Engel Sein"

Minha moto não está suja, é uma película natural de proteção para a pintura que inclusive não gasta água.
avatar
L340
Guru
Guru

Número de Mensagens : 3821
Idade : 36
Localização : Guarulhos - SP
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 07/10/2010

http://leaoesuamoto.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  L340 em Seg Ago 06, 2012 4:00 pm

jeff escreveu:É fato.

Automóvel no Brasil é símbolo de posição social. "Passe no vestibular que eu te dou um ecosport". E aí você vê um bando de filhinhos e filhinhas de papai achando que têm o direito de passar por cima de um motociclista porque ele reclamou de ter sido fechado enquanto o bonitinho/bonitinha falava/torpedeava ao celular.

Nem precisa ir tão longe, basta o cara ter um carro para achar que tem posição social melhor do que o proprietário de uma moto. Certa vez fui interpelado por uma senhora que não se conformou de eu não conhecer o endereço onde ela queria ir. "Ué, mas você não tem moto?" Aos olhos dela isso me transformava automaticamente num motoboy, entregador de pizza, um subalterno qualquer que não estava realizando bem o meu trabalho.

Eleger um representante democrático para os motociclistas.... quem arcaria com os custos de campanha dele? Os empresários podem reservar alguns vários milhões para patrocinar uma cachoeira de mensalonistas. Quem iria bancar um candidato com interesse não lucrativo?

Antes eu tinha mais juventude, esperança e fé.

Depois que mataram o nosso prefeito Celso Daniel e ninguém sabia que os culpados eram companheiros, nunca na história deste país se falou tanta mentira deslavada com tamanha cara de pau.

Mas se alguém quiser se candidatar e tiver uma proposta honesta e uma plataforma honrada... ah, esquece, ele não vai encontrar um partido pelo qual se lançar candidato. E se encontrar, terá que se submeter às regras do esquema.

Bem, boa sorte a esse candidato.

Um abraço,

Jeff

Não sei pq, mas eu já tenho um certo preconceito contra EcoSport. Acho que é pq eu sei o que tem dentro Razz
As vezes eu olho para as pessoas e vejo uma espécie de "Aristocrácia pessoal", do tipo:
Se você tem algo a mais (nem que esse algo a mais seja virtual, como fazer parte de um grupo assim ou assado), você é de outro nível e não deve respeito aos demais.
Em Amarelo Manga (que é um tédio de filme) um sujeito no bar diz algo como: "Um carro no Brasil vale mais do que um caráter"

Quanto ao Celso Daniel, isso me lembra outras ligações dos companheiros.
Enquanto o brasileiro fica vivendo na fantasia da superioridade das classes sociais, os companheiros fazem a festa.
E quando você fala mal aparece sempre um babaca cheio de frases prontas.

_________________
Vinícius Melo - "Gott Weiss Ich Will Kein Engel Sein"

Minha moto não está suja, é uma película natural de proteção para a pintura que inclusive não gasta água.
avatar
L340
Guru
Guru

Número de Mensagens : 3821
Idade : 36
Localização : Guarulhos - SP
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 07/10/2010

http://leaoesuamoto.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Razão e decepção Será?

Mensagem  Marcelão em Sex Ago 10, 2012 10:56 pm

Sua professora tinha razão, ou ainda tem dependendo do modo em que se vê as coisas,sei que seria dificil e duro para alguém que não fosse patrocinado por empresas mas vcs não devem devem só aceitar essa ideia de que o candidato que é eleito tdos eles devem a empresários disso ou daquilo a maioria pode ser mas não todos, vcs tb devem convir que pelo numero de motoboys ai de sampa teriam condições de eleger até um senador, seria muito bom para dá a resposta a esse pessoal que como vcs diseram ai tem um carro, faz uma facul, princessinha ou boiolinha almofadinhas, saber que tem espaço a todos, era só organizar! mas lembre-se que isso é apenas sonho de um cara que como vcs as veses sente na pele por gostar e andar de Moto.

Marcelão
Novato Avançado
Novato Avançado

Número de Mensagens : 51
Idade : 46
Moto : Speed 150cc
Data de inscrição : 15/01/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  Marcelão em Sex Ago 10, 2012 10:58 pm

L340 escreveu:
Marcelão escreveu:
jeff escreveu:Alguém tinha que deixar evidente que o governo exige uma coisa, mas não dá condições para a população cumpra suas exigências.

Exigir um curso que ninguém sabe, ninguém viu e querer multar o cidadão que não é mágico é o fim da picada.

Um abraço,

Jeff
Eu sou a favor da capacitação do pessoal sei que tem muitos ai irresponsáveis que usam o nome e profissão Motoboy ou ainda pior MOtociclista, mas sou contra quando o governo impoe normas absurdas como essas de mudar documentação,colocar nova placa e até pintar ou o cara ser obrigado a comprar uma moto já pronta para frete o que vai ser imposto pelo denatran com certeza daqui a algum tempo, 700R$, fora o mal atendimento nos Detrans, filas e o saco de um curso que só serve para arrecadar + dinheiro para os Detrans como se já não basta o que eles subtrai dagente, taxas disso daquilo, multas ,jurus e o que eles puderem tirar de vc até as calças pela cabeça eles vão tirar, tá na hora de protestar mesmo e o bom é que seja em todo o Brasil começar a perturbar na câmara onde foi feita essa lei, eleger representantes da categoria um cara realmente engajado na luta não oportunistas! não sei se vc já notou mas todas as empresas e setores, transportes , comunicação e outros + tem representantes nas câmaras Eleitos, só para dá o suporte a interesses das empresas e setores não está nem ai para o povo, então se o sistema é esse, por que agente não usa-lo tb ? Protestar pacificamente sem quebra-quebra ou outro excessos pois já temos a fama ruim, Ex: para o maioria da sociedade Motoboy, motoqueiro ou motociclista é a mesma coisa é um cara Violento,Maloqueiro,ignorante que não estudou o que deveria, e mais ainda um Subserviente de tudo e de todos acima dele " Visão de uma grande parte da sociedade"
Minha professora de direito dizia isso sobre profissionais de TI. De que tínhamos que ter um representante no governo.
Mas fiquei pensando no funcionamento dos esquemas de eleição x patrocinio.
Se você é financiado pela indústria de construção, quando for eleito terá que devolver essa grana em construção, se for patrocinado pela indústria do pão de queijo, terá que fazer o negócio virar merenda nas escolas para devolver a grana da indústria.
Acho que tanto no mundo de TI quanto dos motofretistas, os únicos capazes de financiar algo seriam aqueles que tem produtos para vender para os profissionais, não para os clientes.
Sua professora tinha razão, ou ainda tem dependendo do modo em que se vê as coisas,sei que seria dificil e duro para alguém que não fosse patrocinado por empresas mas vcs não devem devem só aceitar essa ideia de que o candidato que é eleito tdos eles devem a empresários disso ou daquilo a maioria pode ser mas não todos, vcs tb devem convir que pelo numero de motoboys ai de sampa teriam condições de eleger até um senador, seria muito bom para dá a resposta a esse pessoal que como vcs diseram ai tem um carro, faz uma facul, princessinha ou boiolinha almofadinhas, saber que tem espaço a todos, era só organizar! mas lembre-se que isso é apenas sonho de um cara que como vcs as veses sente na pele por gostar e andar de Moto.

Marcelão
Novato Avançado
Novato Avançado

Número de Mensagens : 51
Idade : 46
Moto : Speed 150cc
Data de inscrição : 15/01/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  Cássio Fernandes em Sab Ago 11, 2012 7:19 pm

Concordo com o protesto e concordo para cursos para todos os que dirigem, pilotam ou sabe se lá o que fazem dentro dos carros e em cima das motos, a prova prática do detran é uma piada, os preços são altos e o cara tem que arcar com outro curso???? Se os caras que fazem as leis fossem duros com a formação do condutor (não é só motofretista/motoboy/taxista que causam acidentes), acho que é uma regra idiota que não vai envolver todos os que fazem parte do transito, nem estou entrando em mérito do protesto, fechar uma via é errado, está violando um direito constitucional de ir e vir, só acho que o processo para entregar uma permissão para dirigir é idiota na prova escrita e idiota na prova prática. Acredito que se todos fizessem um curso mesmo de pilotagem, os profissionais só iriam APERFEIÇOAR algo que ele já fez, mas, não, colocam a permissão na mão de um garoto que só fez aqueles cones de primeira marcha, na primeira vez que ele estiver a 80 km/h em uma via e precisar desviar de algo, pronto, caiu, morreu e virou estatística, e o resultado disso são mais leis idiotas para tirar nosso dinheiro.

Abraços

_________________
Toda e qualquer informação divulgada com minha assinatura é de minha inteira responsabilidade e demonstram minha opinião pessoal como proprietário de uma motocicleta Dafra Kansas 150cc, nenhuma lei está sendo desrespeitada, conforme a Constituição Federal Brasileira, em seu artigo 220, transcrito a seguir.
Art. 220. A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.

§ 1º - Nenhuma lei conterá dispositivo que possa constituir embaraço à plena liberdade de informação jornalística em qualquer veículo de comunicação social, observado o disposto no art. 5º, IV, V, X, XIII e XIV.

§ 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.

Se possível, se inscreva no meu canal.
www.youtube.com/cassiofernandes0627
avatar
Cássio Fernandes
Guru
Guru

Número de Mensagens : 1914
Idade : 29
Localização : Belo Horizonte-MG
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 14/11/2010

http://cassiofernandes.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  jeff em Sab Ago 11, 2012 7:36 pm

Compartilho de sua ira. Temos que lutar para que a qualidade das aulas nas motoescolas seja compatível com o que se espera delas, um processo de formação de motociclistas e não apenas de candidatos a Eddie.

E falando em leis idiotas e protestos contra leis idiotas, fiquem atentos:

Estão para aprovar uma lei proibindo as motos nos corredores, mesmo que o trânsito esteja completamente parado. Deve entrar em vigor agora em setembro ou outubro, a menos que seja vetada.

Como combater uma lei absurda como essa?

Simples:

Não combatendo. Nada de fazer protestos parando o trânsito da cidade.

Vamos simplesmente cumprir a lei com rigor.

Cada moto vai ocupar o espaço que lhe cabe legalmente no trânsito, respeitando as distâncias mínimas à frente, atrás e de ambos os lados.

Ou seja, cada moto vai ocupar o espaço de um carro nas ruas.

Vamos mostrar que somos cidadãos ordeiros que cumprem as leis.

No dia seguinte os motoristas vão exigir que a lei seja revogada.

Simples assim.

Passem a informação para todos! Essa lei é nossa amiga, viva a nova lei!

Um abraço,

Jeff
PS: Enquanto durar essa palhaçada, infelizmente muita gente irá morrer. Ambulâncias e veículos de emergência ficarão presos no caos em que nossas cidades irão se transformar.

Pena que não existe cadeia para quem propõe uma idiotice dessas. Será que não existe o minimo de bom senso nesses reacionários?

Algumas pessoas pilotando motos causam problemas no trânsito. Assim como pessoas conduzindo carros. Não demonizem os motociclistas. Motoristas matam no trânsito. Geralmente os que morrem são os motociclistas e os pedestres. Então, por favor, menos hipocrisia e mais valores humanos, para todos.

Outro abraço,

Eu de novo


_________________
A quantidade de óleo de Kansas e Speeds para troca é de 1,2 litro no mínimo, 1,3 litro ideal e 1,4 litro no máximo. Colocar menos que o ideal causará prejuízo com o desgaste dos componentes do motor, o qual poderá travar em alta rotação, colocando sua vida e a de sua garupa em risco. A quantidade recomendada no manual do proprietário está errada e a dafra tem que assumir esse erro, informando a todos os proprietários. O quadro da Kansas está sujeito à quebra e a dafra está substituindo gratuitamente, independente de garantia, desde que você leve a moto com o quadro trincado/quebrado até eles. No entanto, negam indenização a quem se acidente, como aconteceu com o Leão do Asfalto de Sergipe. Eles deveriam fazer um recall com ampla divulgação, mesmo caso da quantidade de óleo. Há vidas em risco e com isso não se brinca nem se pode protelar soluções. Tudo que escrevo representa minha opinião pessoal. Assinado Jeff, proprietário de uma Kansas 2009 com 75.000 km sem problemas de motor (só câmbio) pelo uso correto do óleo.
avatar
jeff
Jedi
Jedi

Número de Mensagens : 10955
Idade : 57
Localização : Santo André / Biritiba - SP / Florianópolis - SC
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 27/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  ernesto walter em Sab Ago 11, 2012 9:20 pm

[quote="jeff]

Estão para aprovar uma lei proibindo as motos nos corredores, mesmo que o trânsito esteja completamente parado. Deve entrar em vigor agora em setembro ou outubro, a menos que seja vetada.



[/quote]
Quem faz uma lei destas pode ter boa vontade,mas não enxerga um palmo a frente do nariz.
As pequenas batida que acontecem entre carros quando o transito para ou o semaforo fecha e um motorista distraido não para,tem poucas consequencias,mas imagine se uma motocicleta estiver entre eles.Menos um motociclista.Infelizmente os legisladores não saem de seus gabinetes para ver a vida real,acreditam nas histórias que seus acessores falam e fazem leis absurdas,que algumas vezes "pegam' e outras "não pegam",mas como essa lei vai gerar $$$ com pagamento de multas,pelo menos aqui em sampa "pega".

ernesto walter
Forista
Forista

Número de Mensagens : 188
Idade : 50
Localização : guarulhos-SP
Moto : Outra marca ou ainda não tenho
Data de inscrição : 21/04/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  jeff em Sab Ago 11, 2012 9:45 pm

Será, Ernesto?

O pessoal vai topar ver São Paulo parada que nem em dia de enchente, todos os dias da semana?

Se as motos passarem a ocupar o espaço de um carro, isso seria a mesma coisa que triplicar ou quadruplicar o número de veículos rodando na cidade de um dia para o outro. A cidade vai travar. O prejuízo econômico e social que será gerado será enorme.

Se as motos respeitarem a lei, não serão multadas. A arrecadação com multas até cairá, porque deixarão de existir as multas por excesso de velocidade numa cidade totalmente travada.

Não acredito que um governante se disponha a pagar o preço politico de aprovar essa lei.

Minha opinião, mas sempre posso estar errado.

Um abraço,

Jeff

_________________
A quantidade de óleo de Kansas e Speeds para troca é de 1,2 litro no mínimo, 1,3 litro ideal e 1,4 litro no máximo. Colocar menos que o ideal causará prejuízo com o desgaste dos componentes do motor, o qual poderá travar em alta rotação, colocando sua vida e a de sua garupa em risco. A quantidade recomendada no manual do proprietário está errada e a dafra tem que assumir esse erro, informando a todos os proprietários. O quadro da Kansas está sujeito à quebra e a dafra está substituindo gratuitamente, independente de garantia, desde que você leve a moto com o quadro trincado/quebrado até eles. No entanto, negam indenização a quem se acidente, como aconteceu com o Leão do Asfalto de Sergipe. Eles deveriam fazer um recall com ampla divulgação, mesmo caso da quantidade de óleo. Há vidas em risco e com isso não se brinca nem se pode protelar soluções. Tudo que escrevo representa minha opinião pessoal. Assinado Jeff, proprietário de uma Kansas 2009 com 75.000 km sem problemas de motor (só câmbio) pelo uso correto do óleo.
avatar
jeff
Jedi
Jedi

Número de Mensagens : 10955
Idade : 57
Localização : Santo André / Biritiba - SP / Florianópolis - SC
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 27/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

será o errado ou certo?

Mensagem  Marcelão em Dom Ago 12, 2012 11:04 pm

jeff escreveu:Será, Ernesto?

O pessoal vai topar ver São Paulo parada que nem em dia de enchente, todos os dias da semana?

Se as motos passarem a ocupar o espaço de um carro, isso seria a mesma coisa que triplicar ou quadruplicar o número de veículos rodando na cidade de um dia para o outro. A cidade vai travar. O prejuízo econômico e social que será gerado será enorme.

Se as motos respeitarem a lei, não serão multadas. A arrecadação com multas até cairá, porque deixarão de existir as multas por excesso de velocidade numa cidade totalmente travada.

Não acredito que um governante se disponha a pagar o preço politico de aprovar essa lei.

Minha opinião, mas sempre posso estar errado.

Um abraço,

Jeff
O pessoal tá falando que está para ser proibido o transito de motos pelo corredor de vias , ai vai acabar a mobilidade das motos e sem contar que irá congestionar + ainda, pior é aqui em Alagoas tem cidades no interior que o Juiz colocou um decreto que está "proibido" o uso de capacetes pelos motociclistas segundo ele isso segundo ele e outros inteligentes diminuirá o numeros de homicídios e assaltos a bancos e lojas, eu acho que ele tá achando que todo mundo que anda de moto é suspeito de ser bandido, como bandidos não utilizase carros e outra já ouvi falar até em proibir transito de motociclistas que estiverem garupados ou seja moto com 2 pessoas acho que pelo mesmo motivo! Absurdo!!!!! e nesse Brasil de meu Deus deve ter muitos casos assim.

Marcelão
Novato Avançado
Novato Avançado

Número de Mensagens : 51
Idade : 46
Moto : Speed 150cc
Data de inscrição : 15/01/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  Cássio Fernandes em Dom Ago 12, 2012 11:14 pm

Esse tipo de proibição acho que não pode acontecer, se existe o código de transito, ele precisa ser seguido, seria algo como você disse, presumir que todo motociclista é bandido, é inconstitucional, esse negócio de proibir garupa, acho que não pode acontecer, pois, no documento da moto existe a indicação até 2 passageiros, pagamos o imposto por isso. Na boa, acho que esse juiz é mal formado demais, não querendo criticar, mas, já criticando, é necessário que o magistrado tenha o conhecimento das leis, e, quem tem conhecimento do mínimo de leis iria saber que a polícia existe para evitar roubos e homicídios, agora, o cara vai ter que andar sem capacete, correr risco de vida para cumprir um papel que é do estado? Por favor, poste aqui o nome desse magistrado para que eu possa enviar um exemplar do código de transito e da nossa constituição federal de presente.

Abraços

_________________
Toda e qualquer informação divulgada com minha assinatura é de minha inteira responsabilidade e demonstram minha opinião pessoal como proprietário de uma motocicleta Dafra Kansas 150cc, nenhuma lei está sendo desrespeitada, conforme a Constituição Federal Brasileira, em seu artigo 220, transcrito a seguir.
Art. 220. A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.

§ 1º - Nenhuma lei conterá dispositivo que possa constituir embaraço à plena liberdade de informação jornalística em qualquer veículo de comunicação social, observado o disposto no art. 5º, IV, V, X, XIII e XIV.

§ 2º - É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.

Se possível, se inscreva no meu canal.
www.youtube.com/cassiofernandes0627
avatar
Cássio Fernandes
Guru
Guru

Número de Mensagens : 1914
Idade : 29
Localização : Belo Horizonte-MG
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 14/11/2010

http://cassiofernandes.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Juiz proibe transito de motociclistas usando capacete.

Mensagem  Marcelão em Dom Ago 12, 2012 11:36 pm

Cássio Fernandes escreveu:Esse tipo de proibição acho que não pode acontecer, se existe o código de transito, ele precisa ser seguido, seria algo como você disse, presumir que todo motociclista é bandido, é inconstitucional, esse negócio de proibir garupa, acho que não pode acontecer, pois, no documento da moto existe a indicação até 2 passageiros, pagamos o imposto por isso. Na boa, acho que esse juiz é mal formado demais, não querendo criticar, mas, já criticando, é necessário que o magistrado tenha o conhecimento das leis, e, quem tem conhecimento do mínimo de leis iria saber que a polícia existe para evitar roubos e homicídios, agora, o cara vai ter que andar sem capacete, correr risco de vida para cumprir um papel que é do estado? Por favor, poste aqui o nome desse magistrado para que eu possa enviar um exemplar do código de transito e da nossa constituição federal de presente.

Abraços
O uso do capacete é obrigatório pelos motoqueiros, segundo determinação do Código Nacional de Trânsito, mas, em São Sebastião, no agreste alagoano, o juiz Jairo Xavier Costa proibiu o seu uso por motoqueiros. Para ele, os criminosos acabam agindo com a motocicleta, mas ocultados pelo capacete.


"Essa medida não deve ser considerada uma rebeldia aos princípios constitucionais", disse o magistrado. "Mas, o nosso objetivo é contribuir para a redução da violência", afirmou.

A decisão foi comunicada às polícias civil e militar, além do poder Executivo e é válida apenas para São Sebastião _AL.

A decisão do juiz se estende ainda ao passageiro ou caroneiro da motocicleta. Na semana passada, na primeira reunião do Gabinete de Gestão Integrada (GGI), criado em Alagoas para combater a ação dos crimes de mando e a pistolagem, o secretário de Defesa Social, general Sá Rocha, determinou a realização de blitze no Estado nas motos. "Os criminosos hoje agem com a moto e depois fogem", afirmou.


Marcelão
Novato Avançado
Novato Avançado

Número de Mensagens : 51
Idade : 46
Moto : Speed 150cc
Data de inscrição : 15/01/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  jeff em Seg Ago 13, 2012 7:54 am

A legislação permite uma interpretação dúbia, é aí que se encontram brechas para tornar as coisas piores para o lado mais fraco.

O uso de capacete é obrigatório. Nos EUA, que prezam as liberdades individuais como ninguém, em alguns estados o uso não é. E recentemente, durante um protesto contra a obrigatoriedade do uso que estão tentando implementar, um dos participantes do manifesto caiu e morreu. Estava defendendo o direito de não usar capacete, bateu a cabeça e morreu.

Não há juiz no mundo que vai me obrigar a andar sem capacete. Infelizmente, no Brasil não é possível fazer com que ele arque com as consequências de seus atos.

Quanto ao corredor, o que a legislação determina é que é obrigatório manter uma distância mínima em relação aos outros veículos, mas para poder multar, a autoridade tem que possuir um equipamento aferido que comprove a irregularidade.

Como isso não existe e é impraticável, a solução é recorrer contra a multa. No primeiro momento, ela será indeferida. Normal.

Aí você entra com recurso contra o indeferimento, e então será julgado o mérito da queixa, e é nesse momento que a questão do equipamento aferido é analisada e o motociclista ganha o recurso.

É burocrático, não é razoável, mas é Brasil, e é assim que as coisas funcionam. Aprendi isso no último sábado.

Agora precisamos lutar para não perder nossos direitos. Bem utilizada, a moto é um meio de transporte fantástico.

O que os órgãos fiscalizadores fazem (ou deviam fazer, sempre pode ter algum caxias) é usar o bom senso. Em contato com gente do meio, o que eles disseram:

Se o trânsito está parado e as motos pegam o corredor em velocidade compatível com a segurança, não são multadas. Mas com o trânsito em movimento, ou com excesso de velocidade, são multadas.

Sempre adotei esse critério por mim mesmo e nunca tomei multa por andar no corredor.

Um abraço,

Jeff


_________________
A quantidade de óleo de Kansas e Speeds para troca é de 1,2 litro no mínimo, 1,3 litro ideal e 1,4 litro no máximo. Colocar menos que o ideal causará prejuízo com o desgaste dos componentes do motor, o qual poderá travar em alta rotação, colocando sua vida e a de sua garupa em risco. A quantidade recomendada no manual do proprietário está errada e a dafra tem que assumir esse erro, informando a todos os proprietários. O quadro da Kansas está sujeito à quebra e a dafra está substituindo gratuitamente, independente de garantia, desde que você leve a moto com o quadro trincado/quebrado até eles. No entanto, negam indenização a quem se acidente, como aconteceu com o Leão do Asfalto de Sergipe. Eles deveriam fazer um recall com ampla divulgação, mesmo caso da quantidade de óleo. Há vidas em risco e com isso não se brinca nem se pode protelar soluções. Tudo que escrevo representa minha opinião pessoal. Assinado Jeff, proprietário de uma Kansas 2009 com 75.000 km sem problemas de motor (só câmbio) pelo uso correto do óleo.
avatar
jeff
Jedi
Jedi

Número de Mensagens : 10955
Idade : 57
Localização : Santo André / Biritiba - SP / Florianópolis - SC
Moto : Kansas 150cc
Data de inscrição : 27/05/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: protesto projeto motoboy-são paulo

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum